8 de outubro de 2009

A Recaída

“Ontem após uma semana da minha decisão, sai com as minhas amigas para mostrar tanto para você como para o mundo que ele que pode ser imenso sem você. Mas eu não consigo, meu mundo ficou tão vazio, me senti desprotegida, sozinha, aflita. Enquanto todo mundo aproveitava eu fiquei sentada em um canto isolado pensando na nossa vida juntos, nada se concretizou. Me deu um aperto tão forte no peito que deu vontade de sair correndo daquele lugar e poder me jogar nos seus braços, mas eu não posso, ainda estou com a minha decisão, só não consigo ser mais forte que ela, vou tentar, vou conseguir, eu sei!
Porque não consigo ser mais forte que a minha decisão?! Hoje não consegui sair deste quarto, da minha cama. Não consegui pegar nenhum livro para ler, não vi o sol nasce como faço todos os dias, não tenho forças para levantar. Eu quero ter todas as forças do mundo para encarar novamente a minha decisão.
Eu te quero e ao mesmo tempo não te quero comigo, você vai me fazer sofrer, chorar e me abandonar novamente. Preciso de alguém que me reconheça de verdade e saiba quem eu sou!
Estou conseguindo recompor as forças novamente escrevendo está carta, vou me levantar tomar um banho e ir caminhar entre as flores do jardim.
Terminada mais uma carta! Agora vou lá para meu banho e depois vou recompor o resto das minhas forças olhando as flores.
Até qualquer dia!”

P.S.: Esse é mais um dos textos de continuação, o último texto foi O primeiro dia sem você!. Mais uma vez repetindo, não é necessário ler esse para entender os outros.
P.S.:² É pura ficção! Aaah, e ainda faltam 5 ou 6 textos para acabar esse pequeno romance. Então aguardem e fiquem comentado para a minha inspiração fluir! haha

Beijos e Boa Semana!

21 comentários:

Marilia Drago disse...

Cara,tudo de bom,amei o blog!
Continua assim!
Beijos Lilla

Penny Lane disse...

Esta carta serve pra muita gente nesse momento ;)

Jeniffer Yara disse...

AH QUE LINDO! Pequeno romance! Amo romances! *.*
Muito legal..tipo a personagem do romance deve mesmo continuar com sua decisão,ir em frente sem se arrepender de sua decisão!Encontrar alguém que valha á pena!
Ahh e eu supirando aqui enquanto leio seu texto...Rs'
Bjs!

Fran disse...

Esse é um dos piores momentos, é quando percebemos que não somos tão forte quanto pensávamos :/
Linda a carta!

Beeijos!

D* disse...

Todas as cartas estão lindas, mas esta está demais! :D

Cristin disse...

Visitando...gostando e seguindoooo...
Bjus lind@

Jéssica Trabuco disse...

Mais uma carta linda!`
Deve ser difícil esse jogo de querer e não querer...

ps: obrigadaa pelo carinho! Fico feliz que gosta dos meus textos!

HSLO disse...

Nossa esse texto é tao real..só fui observar no final que era ficção...rrs.


abraços


Hugo

Alma inquieta disse...

Olá Caroline, meu amor!

Sou obrigada a dar razão ao Hugo...!
Parece muito real!

Um beijo meu Anjo Lindo!

Livi disse...

Assim, não tem como eu comenta sobre o texto pq é um continuação do outro certo? e eu não li todos. mas prometo que assim que possivel eu leio tudo certinho e aí sim comento decentemente!
Mas amei o blog!
Vo te seguir assim que minha net quiser me obedecer!
uhsuahshaushuashuahs
brincaderaa to te seguindo!
bjoo

Srtª Elis° disse...

ahah força flor!! adorei seu blog!!

Juliano disse...

O amor é assim, tudo faz lembrar.! Mesmo quando a gente quer esquecer.

Beijoooos Carol.!

Sofia disse...

Bem, pra sua imaginação fluir vou elogiar muito o stextos (como todo mundo), mas vou elogiar, principalmente, as fotos! Estão lindas! Parabéns!!
beijos,
Sofia
(http://pirulito-no-palito.blogspot.com/)

Stephanie Lopes disse...

AAhh adoroo aqui , adorooo msmo .
boom eu achoo qe ela deve continuar com sua decisãao pq a viida trará quem ela merece .

bejoos

Dani disse...

Olha, este texto está tão legal quanto o outro! Parabéns...
E que venhão mais textos...

Beiijos

atrevidaseatrevidos.blogspot.com

Eddie & Herb disse...

me surpreendeu O_O
vc tem talento.

gostei do texto.

Breno disse...

que bonito sabe espressar-se muito bem
parabéns pelo o blog

mayfeel disse...

Como é bom se expressar através de histórias, não é? Gostei muito mesmo. Ótimo blog! ^^
bjs!

Vinicius Colares disse...

E Eu achando que era tudo um relato d esua vida mesmo, kkkk, só depois eu li que é ficção!!!!

carla l. disse...

Sentir-se forte ou não varia conforme muitas coisas. As horas que se arrastam nos tiram as forças, mas quando se vence um dia a força se renova.

jadeamorim.com disse...

Todos nós temos nossas recaidas né? É normal!
Adorei o texto, hiper romântico! *-*


Beeijos!